Sobre o autor

Piunti

“Autênticas” no GNT


O GNT vem com um olhar novo sobre um assunto já tão abordado: as mulheres na música sertaneja.

O canal não usa o termo “sertanejo”, mas cinco dos seis nomes participantes são do gênero.

O programa “Autênticas”, com estreia marcada para 12 de novembro (uma segunda-feira), às 21h15, mostrará o cotidiano de Maiara e Maraísa, Marília Mendonça, Naiara Azevedo, Paula Fernandes, Paula Mattos e Solange Almeida.

Dirigida pela Joana Mazzucchelli, responsável pelos últimos projetos de vídeo de Luan Santana (além de um currículo gigante), a atração merece atenção justamente por trazer um olhar feminino sobre a vida das cantoras, deixando de lado aquele ranço masculino tão comumente debruçado sobre as infinitas matérias já publicadas sobre o assunto.

A nota oficial do programa pode ser conferida abaixo.

___

No dia 12 de novembro, às 21h15, estreia no GNT o docu-reality “Autênticas”, em que o público poderá acompanhar o dia a dia de grandes mulheres da música brasileira atual: Marília Mendonça, Maiara & Maraísa, Naiara Azevedo, Paula Fernandes, Paula Mattos e Solange Almeida.

“Cada episódio vai mostrar na TV o que acontece fora dos palcos. Vamos conhecer o cotidiano de mulheres que se apropriaram da música para expor o universo feminino e servem de inspiração para milhões de brasileiras”, comenta Mariana Koehler, diretora de conteúdo do GNT.

Ao todo, serão 20 episódios, exibidos às segundas, terças, quintas e sextas-feiras. A cada dia será possível descobrir um pouco mais da vida das cantoras, suas inspirações, manias e tudo aquilo que as tornam únicas. Além disso, a série revelará suas rotinas, bastidores dos shows, sessões de fotos, escolha dos looks e muito mais.

O projeto é produzido pela Polar Filmes e dirigido por Joana Mazzucchelli. “Foi um desafio muito grande acompanhar essas mulheres tão cheias de compromissos em diferentes lugares do Brasil, e ao mesmo tempo uma grande satisfação poder ver de perto o lado humano de cada uma dessas super heroínas!”, revela Joana.

Além do conteúdo exclusivo para a TV, pílulas inéditas já estão sendo publicadas diariamente no canal do GNT no YouTube. “Mais Autênticas” tem temas como: “Se eu fosse” com Paula Mattos, “50 fatos sobre mim” com Sol Almeida, Naiara Azevedo no “Desafio Emoji”, Paula Fernandes entrevistando Paula Mattos e muito mais.

O assinante do GNT ainda pode acessar toda a programação do canal no Globosat Play. O serviço de TV Everywhere disponibiliza os conteúdos dos canais Globosat sem custo extra – na SmartTV, no computador ou em aplicativos para celulares e tablets. Os conteúdos também podem ser assistidos através dos serviços sob demanda das operadoras: Net NOW, Vivo Play, e Oi Fibra.

“O Embaixador”


Na última sexta-feira, 26, foi disponibilizado nos canais de streaming o áudio do novo projeto de Gusttavo Lima, “O Embaixador”.

glnv

Gravado durante a última edição da Festa de Barretos, em agosto, o projeto traz uma série de canções inéditas mescladas com alguns sucessos recentes, como “Zé da Recaída”, “Que pena que acabou” e “10 anos”, que ganhou uma versão bem diferente da conhecida.

No melhor momento de sua carreira, Gusttavo optou por um mega DVD que pode causar surpresa a quem não tem acompanhado seus shows: os arranjos são mais simples e populares do que os feitos em estúdio.

Esse estilo de arranjo que pauta quase todo o disco tem grande influência do nordestina, uma simplicidade que ele provou e gostou muito com “Fui Fiel” e “Que mal te fiz eu?”.

O visual impressiona pela grandiosidade. O vídeos estão sendo divulgados um por dia.

O primeiro a ser lançado, na sexta, foi “Carrinho na areia”, que pode ser conferido abaixo.

Logo, volto a falar mais do álbum.

Manutti com novidade: Um Pé de Amor


Manutti está com novidade.

O cantor segue com sua estratégia de lançamento periódicos de videoclipes, e agora ele aposta em uma canção inédita.

Na linha mais romântica, “Um Pé de Amor” é daquelas modas de linha mais tradicional, mais ligada as origens do cantor.

A nota oficial de lançamento segue abaixo.

___

Manutti lança “Pé de Amor”

A inédita e romântica canção ganhou um videoclipe gravado em uma fazenda no Paraná.

Manutti está lançando o novo single e videoclipe “Um Pé de Amor”. A romântica canção acaba de chegar ao YouTube e plataformas digitais.

Conhecido pelos videoclipes gravados no exterior (Las Vegas e Los Angeles, nos EUA; e Buenos Aires, Argentina), desta vez o cantor aposta em um cenário muito mais sertanejo. Bem como a letra de “Um Pé de Amor”: canção singela, com arranjos de viola caipira.

Manutti é um dos artistas mais versáteis do mercado sertanejo atual. O repertório do cantor vai de Almir Sater a Charlie Brown Jr., e, felizmente, ele consegue transmitir com muita personalidade essa bagagem musical tão caracterizada.

“Um Pé de Amor” é uma autoria de Victor Gregório, Marco Aurélio e Givago. O clipe contou com a direção de Jacques Jr. (Sete4), e produção musical de Flávio Guedes (Alta Frequência).

DVD dos Menotti nos EUA


O anúncio feito pela dupla é muito bacana.

Os irmãos registrarão uma viagem pela Flórida dentro de um motorhome (um furgão-casa, caso alguém não saiba do que se trata), que se encerrará com um show em Orlando, dia 3 de novembro, um sábado, data também conhecida como véspera do meu aniversário.

A viagem começa dia 31 desse mês, na cidade de Key West.

dvdmnt

A nota oficial pode ser conferida abaixo:

___

A dupla vai gravar DVD em Orlando juntando duas paixões: Música e viagens de motorhome, esta segunda, César Menotti tem feito com frequência e se apaixonou, destes passeios surgiu a ideia de gravar o novo trabalho nas estradas dos Estados Unidos e finalizar com show no camping em Orlando, onde as famílias fazem parada em com seus motorhomes.

A viagem com gravações iniciam dia 31 de outubro saindo de Key West e finaliza com grande apresentação em Orlando no Blue Water Kay dia 03 de novembro.

O repertório será uma mescla de grandes sucessos com canções inéditas. A dupla está bem feliz por fazer a viola chorar em território estrangeiro.

___

Fábio e Guilherme † – as estradas levam mais uma dupla


Na tarde de domingo (21), um acidente fatal vitimou a dupla Fábio e Guilherme, de Passos-MG. Eles eram irmãos.

Infelizmente, a dupla passa a fazer parte da triste lista de artistas sertanejos que perderam a vida nas estradas.

Próximo a cidade de Altinópolis-SP, região de Ribeirão Preto (a carreira da dupla era focada no entorno de Ribeirão), o carro em que os rapazes se encontravam saiu da pista e se chocou com um caminhão.

O Honda Civic dos irmãos entrou por baixo do caminhão e foi arrastado, deixando-os presos nas ferragens. Só os dois estavam no veículo.

Fábio e Guilherme cantavam profissionalmente desde 2009. O enterro será realizado hoje, segunda-feira, em Passos-MG.

fbegg

O preço da política


O Barcelona, time espanhol, pretende se afastar de Ronaldinho Gaúcho após o ex-jogador apoiar Jair Bolsonaro. As ideias do candidato não condizem com os ideais do clube, segundo o jornal Sport.

A notícia está sendo repercutida em todos os veículos brasileiros.

Se é democrático manifestar uma opinião política, discordar dela também faz parte do jogo, mesmo quando se trata de instituições.

Vamos trazer a questão para o nosso mundo.

No início de setembro, no Instagram, fiz uma postagem dizendo “Fã é algo difícil de se consquistar pra artista perder aos montes por conta de postagens sobre candidatos/eleição. Não vale a pena“.

Não sou a favor de artista alienado, despreocupado com os problemas do país, mas vejo o apoio político declarado como algo potencialmente negativo para a imagem, sendo que imagem = $$$.

Assistimos a uma eleição presidencial muito apaixonada, polarizada, revoltada.

Tivemos dois casos marcantes: Gusttavo Lima, quando postou um vídeo praticando tiro nos Estados Unidos e apoiando Bolsonaro, e Marília Mendonça, quando promoveu a campanha do #EleNão.

Ambos dentro do seu direito de se manifestar, falaram em tom moderado e mesmo assim foram xingados até não poder mais. Os dois acusaram o golpe, Gusttavo soltou vídeos se justificando e Marília apagou sua postagem.

Assim como o Barcelona, que pretende se afastar de Ronaldinho (o clube não se manifestou e provavelmente não vai), empresários, imprensa e marcas ficam de olho no comportamento dos artistas nesses períodos.

No calor da discussão, que deve se amenizar após o segundo turno, o artista não repara na pauta caída ou no contrato que poderia ter rolado e não rolou. Percebe mais tarde e raramente admite que tem culpa no cartório.

Os pequenos perdem pauta, toda semana. Os grandes perdem fãs e grana, embora alguns tenham interesses por trás de determinado apoio (fiquem espertos a isso).

Reiterando, é direito de todos se manifestar, mas não relacionar seu nome a algum político também é uma opção. Aparentemente, a mais inteligente delas.

Villa Mix Lisboa


No último sábado, dia 6 de outubro, foi realizada a primeira edição do Villa Mix na Europa.

A cidade escolhida foi Lisboa, capital de Portugal. Foi minha quarta cobertura na cidade. Estive em um show do João Bosco e Vinícius, em 2011, Maria Cecília e Rodolfo, também em 2011, e voltei em 2012 para acompanhar o estouro do “Ai se eu te pego”. Agora, fui ao Villa Mix.

vmpt(foto: Rubens Cerqueira)

A música brasileira de linha mais popular tem seu espaços nas rádios portuguesas, sem contar com o desempenho digital bastante positivo por lá.

Nas quatro oportunidades em que acompanhei apresentações na capital, todas surpreenderam em relação ao número de ingressos vendidos. O Villa Mix foi realizado na Altice Arena (Altice é uma empresa holandesa de telecomunicação e mídia), local com capacidade para 20 mil pessoas (incluindo arquibancada e quadra), e os ingressos se esgotaram com uma semana de antecedência.

Foram seis apresentações: a cantora portuguesa Blaya, Kevinho, Jorge e Mateus, Safadão, Matheus e Kauan e Alok.

Impressionante que parecia apenas mais um show no Brasil, com todo mundo cantando todas as músicas.

Em 2017, segundo dados do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras de Portugal, mais de 85 mil brasileiros viviam em Portugal. Só no ano passado, com as notícias de que Portugal estava se recuperando economicamente, mais de 4 mil “brazucas”, como os portugueses gostam de falar, decidiram tentar a vida no país europeu.

A maior parte do público, claro, era de brasileiros, mas não só residentes em Portugal. Diferentemente do que costuma acontecer, usou-se a estratégia de não fazer turnê nem com Jorge e Mateus nem com Matheus e Kauan na Europa em dias próximos.

É muito comum tocar em Portugal, Bélgica, França, Londres e Suíça aproveitando a viagem (Kevinho e Safadão excursionaram). Isso ajudou com que brasileiros que morem em outros países fossem ao Festival.

Conversei com o Safadão no retorno ao Brasil: “o Villa Mix foi incrível, um show realmente pra ficar na memória pro resto da vida, público brasileiro, público português, foi realmente muito especial tudo o que aconteceu. Tive oportunidade de tocar nessa turnê em Paris pela primeira, em Zurique, Portugal e Londres. Encontrei uma galera super atualizada, cantando inclusive nossas músicas novas, volto muito realizado. Foi bem positiva a nossa turnê”.

 

 

 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Vai ficar pra sempre na minha memória tudo que aconteceu ontem em Lisboa! #SoPraCastigar #WSMaisUmaVez #VillaMixLisboa   Uma publicação compartilhada por Wesley Safadão (@wesleysafadao) em

Segundo Villa Mix fora do Brasil (o primeiro foi em Ciudad del Este, no Paraguai, em março), o VM Lisboa deve se repetir no ano que vem.

Não deu


Figuras que possuem alguma relação com o meio da música sertaneja não tiveram sorte nas eleições desse ano.

Ninguém foi eleito (se faltou alguém, é só avisar).

___

-Joaquim (da dupla Joaquim e Manuel)
-Zé da Viola (pai de Jads e Jadson)
-João Lucas (da dupla João Lucas e Marcelo)
-João Reis (pai do Cristiano e Felipe Araújo)
-João Wellingon (contratante)
-Marco Brasil (locutor)
-Piracicabano (locutor)

___

O meio dos rodeios deu mais sorte: um dos principais defensores da prática, o Capitão Augusto foi reeleito como deputado federal.

Matogrosso e Mathias cantam com Zé Neto e Cristiano: “Conversando com o Abajur”


Matogrosso e Mathias entraram em estúdio, no mês passado, para registrar cinco canções em áudio e vídeo, quatro delas inéditas.

Uma das canções do EP, a primeira a ser lançada, se chama “Conversando com o Abajur” e foi gravada ao lado de Zé Neto e Cristiano.

fbznmm

Escrita por Matogrosso, Mathias, Maycon Sisto, Igor Valadares e Marco Gatto (produtor musical do projeto), a canção é romântica e bastante focada na interpretação das duplas.

“Foi um encontro histórico. Eles, que gostam do nosso trabalho e nós, que admiramos a força e a trajetória deles”, diz Matogrosso.

“Matogrosso e Mathias são referência no cenário musical. 42 anos de sucesso não é para qualquer um”, fala Zé Neto. “Ficamos bem felizes. Cantar com nossos ídolos é um privilégio”, destaca Cristiano.

Trata-se de uma reunião que mostra a força da região de São José do Rio Preto, pois Zé Neto, Cristiano e Mathias são de lá, conhecidos desde antes do sucesso.

A parceria pode ser conferida no vídeo abaixo.

___

Em tempos de eleições


Aproveitando o clima de eleições, gostaria de deixar uma dica.

Há um livro chamado “Cowboys do Asfalto”, do historiador Gustavo Alonso, que narra a história de ascensão da música sertaneja, saindo da cultura caipira para se tornar um fenômeno de mercado.

Até aí, sabemos bem, ele não é o único a se aventurar nessa história.

O diferencial do livro é abordar, além das questões musicais, quais relações os artistas sertanejos têm e tiveram com o poder. De quais formas as duplas se aproximaram de políticos importantes em épocas marcantes da história do país.

O texto não faz julgamentos ideológicos, apenas apresenta a pesquisa do autor. Para quem gosta de bastidores, é um prato cheio.

cbda

___