Universo Sertanejo

DESTAQUES

universo_sertanejo

As músicas sertanejas mais tocadas da última semana (24/4 a 30/4)


Bem diferente do que costuma acontecer, a lista da última semana traz três novidades no Top10.

Henrique e Juliano estrearam na segunda posição com “Como é que a gente fica”.

Gusttavo Lima também marca presença pela primeira vez com sua “Que pena que acabou”, em oitavo lugar. Em nono, quem aparece é João Neto e Frederico com “Vício”, gravada ao lado de Jads e Jadson.

Na liderança, segue “Romântico anônimo”, de Marcos e Belutti.

Quem não conhece a parceria de João Neto e Frederico com Jads e Jadson, “Vício”, pode conferir no clipe abaixo.

___

01 – Romântico anônimo – Marcos e Belutti com Fernando Zor (1) – 2807
02 – Como é que a gente fica – Henrique e Juliano (-) – 2785
03 – Vai me perdoando – Victor e Leo (3) – 2554
04 – Batom vermelho – Lucas Lucco (4) – 2486
05 – 40 graus de amor – Bruno e Barretto (7) – 2458
06 – Pronto falei – Eduardo Costa (5) – 2426
07 – Infiel – Marília Mendonça (6) – 2423
08 – Que pena que acabou (-) – 2412
09 – Seu polícia – Zé Neto e Cristiano (2) – 2356
10 – Vício – João Neto e Frederico com Jads e Jadson (-) – 2278

*Fonte: Crowley/Universo Sertanejo



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Ah, Domingo…


Deixei anotado aqui para postar esse vídeo em algum domingo, e acabei deixando passar.

Em fevereiro, Di Paullo e Paulino divulgaram um clipe de “Nelore Valente”, um clássico gravado por uma série de duplas importantes (Tião Carreiro e Pardinho, Dino Franco e Mouraí e etc), com a participação de Zezé di Camargo.

A parceria pode ser conferida abaixo.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

“Bar do Leo”, o novo (e ótimo) CD do Leonardo


Saiu o novo disco do Leonardo, o “Bar do Leo”. O disco, gravado no final do ano passado, chega às lojas com 13 canções, boa parte inédita, mas recheado de ótimas regravações.

Estou ouvindo o CD desde segunda-feira, e acredito facilmente que seja o melhor disco do Leonardo dos últimos anos.

cdleo

No entanto, preciso admitir que sou suspeito por um motivo bem específico: ele regravou uma das melhores músicas da carreira de Zezé e Luciano, uma das minhas preferidas da dupla: “Linda, linda”.

Já que comecei falando de regravação, na lista de músicas relembradas têm “Ternura”, classicão do Roberto Carlos, “Tranque a porta e me beija”, do Chico Rey e Paraná, “Dona do meu destino”, do Zé Henrique e Gabriel, que foi música de trabalho no ano passado, “Só um grande amor”, uma versão muito conhecida de Renê e Ronaldo, e “Prazer por prazer”, gravada há poucos anos pelo Trio do Brasil, composição do Eduardo Costa.

Leonardo também escolheu algumas canções que rodavam por aí em outras vozes, mas que não chegaram a ficar tão conhecidas. São os casos de “O gelo” (que o Léo Magalhães gravou no ano passado) e a ótima “Embriagado de amor”.

Entre as inéditas, a grande sacada já foi escolhida como música de trabalho. Trata-se de “Pergunte ao dono do bar”, música ao melhor estilo atual do Leonardo: fala de bar e de paixão que não deu certo.

Com a avalanche que é o “Cabaré”, imaginei que o disco solo não viria assim tão bom, já que o foco está no outro projeto. No entanto, mudar de ares cantando ao lado do Eduardo Costa resultou em um dos grandes discos do Leonardo em carreira solo.

A produção musical do álbum ficou por conta do Romário, que também assina o “Cabaré”.

Claro que tem a cota de música besteirol-chiclete, “Bora tomar uma”, que conta com a participação da Carla Bora, famosa pela frase que dá nome à canção.

Abaixo, coloco “Linda, linda” por motivos óbvios, seguida do novo clipe dele, da canção “Pergunte ao dono do bar”.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Tem música nova na rádio


Na última segunda-feira, Henrique e Juliano estrearam uma nova música de trabalho. Trata-se de “Como é que a gente fica”, canção com alta visualização no YouTube de forma espontânea (como escrito aqui ontem).

Se as pessoas elegeram a canção sem forçar nenhuma barra, porque não transformá-la em música de trabalho?

Ela já está chegando na casa de 80 milhões de visualizações.

De fato, dá pra dizer que a canção está entre as três melhores do disco. Talvez seja até a melhor, mesmo.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Dupla nova e boa: João Gustavo e Murilo


No início de abril, houve a gravação do DVD, em Campo Grande, de uma dupla que é novidade pra muita gente: João Gustavo e Murilo.

Sob os cuidados de Eduardo Maluf e Mauricio Mello, ambos responsáveis pelo sucesso recente de Henrique e Diego, os rapazes fizeram seu primeiro registro em vídeo.

A aposta na dupla vem por conta do trabalho dos cantores na área de composição. Já gravaram com Maiara e Maraísa, Jorge e Mateus, George Henrique e Rodrigo e etc.

jgm

A primeira canção, lançada ontem, não vai necessariamente às rádios. A estratégia vai ser soltar um vídeo por semana (às segundas), e acompanhar o andamento de todos. Se alguma canção se destacar de forma espontânea, ela vai virar música de trabalho.

As últimas músicas de trabalho de Luan Santana e Henrique e Juliano, só pra citar dois exemplos, foram escolhidas com uma grande influência do desempenho digital delas.

Abaixo, segue a primeira canção do DVD: “Fecha o porta mala”.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

As músicas sertanejas mais tocadas da última semana (17/4 a 23/4)


A lista da última semana, mais uma vez, mostra a força de “Romântico anônimo”, canção de Marcos e Belutti. Já são mais de dois meses de sucesso.

O Top3 também registra os mesmos nomes dos últimos rankings: Zé Neto e Cristiano, com “Seu polícia”, em segundo, e Victor e Leo, com “Vai me perdoando”, em terceiro.

A novidade da lista fica com César Menotti e Fabiano, que estrearam “Cachorro de rua” na 9ª posição. Quem ainda não conhece a nova música de trabalho da dupla, pode conferir abaixo.

___

01 – Romântico anônimo – Marcos e Belutti com Fernando Zor (2) – 2841
02 – Seu polícia – Zé Neto e Cristiano (3) – 2637
03 – Vai me perdoando – Victor e Leo (1) – 2573
04 – Batom vermelho – Lucas Lucco (5) – 2476
05 – Pronto falei – Eduardo Costa (4) – 2458
06 – Infiel – Marília Mendonça (7) – 2365
07 – 40 graus de amor – Bruno e Barretto (10) – 2320
08 – Não tem pra ninguém – Michel Teló (8) – 2208
09 – Cachorro de rua – César Menotti e Fabiano (-) – 2184
10 – Esqueci você – Henrique e Diego (6) – 2105

*Fonte: Crowley/Universo Sertanejo



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Victor e Leo fazem 4 shows na Europa; para Londres restam poucos ingressos


Os dias de feriadão emendado de Victor e Leo serão bem divertidos.

A dupla faz quatro shows na Europa a partir de hoje, sexta-feira, 22.

O show de hoje acontece em Zurique, na Suiça. Amanhã, sábado, eles tocam em Bruxelas, na Bélgica. No domingo, 24, eles fazem a principal apresentação prevista para essa mini-turnê: Londres, com ingressos já praticamente esgotados.

Na segunda, a dupla encerra a viagem se apresentando em Lisboa, Portugal.

veleu



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Robertão sertanejo


Roberto Carlos completou, ontem, 75 anos, e não poderia deixar passar batido por aqui.

Como todos sabem muito bem, Roberto foi muito regravado por cantores sertanejos, principalmente entre as décadas de 1980 e 1990.

Há uma regravação que foge um pouco do padrão. Zezé di Camargo e Luciano, em 1996, colocaram “Vivendo por viver” no repertório do novo disco, e a canção acabou virando música de trabalho.

Curioso é que muita gente não fazia ideia (e muitos não sabem até hoje) que a música é uma regravação de Roberto Carlos, originalmente lançada em 1978, mas que não entrou para a lista de mega hits do cantor. A composição é do Márcio Greyck, que também a gravou.

Como todos a conhecem com Zezé e Luciano, trago aqui a versão original.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Tonico e Tinoco na praia


No finalzinho do mês passado, estive na praia de Copacabana para mediar uma conversa sobre a história de Tonico e Tinoco, no projeto “Mar de Culturas”.

Realizado no Quiosque da Globo, o encontro teve as presenças de César Menotti e Fabiano, Tinoquinho (que formou dupla com Tinoco, a quem chama de pai), e de Lucas Reis e Thácio, responsáveis pela parte musical.

marde

A ideia não era desenvolver um papo acadêmico carregado de informações, mas sim conversar de maneira descontraída a respeito da principal dupla caipira que nós tivemos, discutir a importância dos “Irmãos Perez” e, principalmente, mostrar ao público do Rio de Janeiro o tamanho real que Tonico e Tinoco tiveram.

O evento foi transmitido ao vivo pelo GShow, e eu vou ver se é possível disponibilizar esse material no YouTube ou em algum outro lugar pra quem quiser conferir.

glmar2

A homenagem foi citada no programa da Fátima Bernardes, um dia antes, e ganhou cobertura do Video Show, na semana seguinte. Foi uma experiência muito feliz e uma vitória de todos nós.

glamr

marde2



universo_sertanejo

universo_sertanejo

As músicas sertanejas mais tocadas da última semana (10/4 a 16/4)


A lista da última semana traz um lançamento e uma alteração na primeira posição.

Victor e Leo assumiram a liderança com “Vai me perdoando”, que teve mais de três mil execuções. O número acima do normal se deve a uma blitz realizada durante a semana para intensificar a divulgação da música.

O Top3 ficou com “Romântico anônimo” em segundo, e “Seu polícia” em terceiro.

A estreia da semana ficou por conta da dupla Bruno e Barreto, que colocou “40 graus de amor” na décima posição.

___

01 – Vai me perdoando – Victor e Leo (4) – 3139
02 – Romântico anônimo – Marcos e Belutti com Fernando Zor (1) – 2933
03 – Seu polícia – Zé Neto e Cristiano (3) – 2620
04 – Pronto falei – Eduardo Costa (2) – 2512
05 – Batom vermelho – Lucas Lucco (5) – 2473
06 – Esqueci você – Henrique e Diego (6) – 2403
07 – Infiel – Marília Mendonça (9) – 2305
08 – Não tem pra ninguém – Michel Teló (8) – 2289
09 – Se toca essa moda – Jads e Jadson (7) – 2147
10 – 40 graus de amor – Bruno e Barretto (-) – 2136

*Fonte: Crowley/Universo Sertanejo



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Paula e Sandy


Ontem, sexta, teve o primeiro dia de gravação do DVD da Paula Fernandes. A convidada especial foi Sandy, que dividiu os vocais no sucesso “Sensações”.

No vídeo abaixo, embora filmado de longe, é possível ouvir bem qual foi a ideia do dueto.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Hoje tem “Festeja” em Goiânia


Hoje, em Goiânia, acontece a segunda edição do “Festeja” na cidade, festival da Som Livre em parceria com a Workshow, escritório de Henrique e Juliano e de diversos outros artistas que farão parte da festa.

A escalação está composta por Henrique e Juliano, Maiara e Maraísa, Marília Mendonça, Zé Neto e Cristiano, Marcos e Fernando e Aviões do Forró.

O festival terá um 2016 de expansão. Voltarei a falar do assunto com maiores detalhes, mas serão mais de 30 edições por todo o Brasil até o final do ano. Já no mês que vem, dia 7 de maio, acontece a edição de São Paulo.

Aos que quiserem acompanhar, o “Festeja” de Goiânia será transmitido pelo YouTube, é só procurar pelos canais oficiais do evento para acompanhar ao vivo.

fstja



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Carlos e Jader de música nova: “Desculpa esfarrapada”


Eles já apareceram por aqui diversas vezes, e hoje voltam para o lançamento de uma nova música de trabalho.

Cantando em dupla desde o ano 2000, os irmãos Carlos e Jader, nascidos em Rio Branco, no Acre, já gravaram de tudo dentro da música sertaneja.

Com pouco mais de uma década juntos, gravaram em 2011 uma versão sertaneja de “Sou Fod*”, gravada por várias outras duplas, mas que teve uma repercussão melhor para eles.

cejj

Aos que não sabem, há anos a dupla faz parte da Live Talentos, que cuida das carreiras de Chitãozinho e Xororó e de Edson e Hudson.

A nova música de trabalho, “Desculpa Esfarrapada”, é mais romântica, bem diferente da canção que fez com que muitos ficassem os conhecendo.

Composição da turma Dayane Camargo, Everton Matos, Lara Menezes, Ray Antônio, Gustavo Martins e Henrique Batista.

Gravado em Curitiba, o clipe teve a direção de José Renato Castro.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Com novela em alta, Tuta Guedes lança clipe de “Eu descobri”


Na semana passada, a Som Livre lançou o volume 2 da trilha de “Êta Mundo Bom”, novela das 6 que vem conseguindo audiência de novela das 9, conforme publicado no UOL hoje.

No novo álbum (o primeiro está repleto de sertanejos), há quatro artistas da nossa turma: Renato Teixeira, Sérgio Reis e Tuta Guedes e Rodrigo Munari.

Renato cantando “Êta mundo bom”, Serjão cantando “Meu Policarpo”, Rodrigo com “Ela é minha namorada”, e Tuta com “Eu descobri”, tema de Osório e Gerusa.

Hoje, quinta-feira, Tuta lança um clipe da canção, aproveitando o bom momento da novela, em sua estreia em trilhas sonoras.

A direção é do Alex Batista.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Confira qual vai ser o repertório do próximo DVD da Paula Fernandes


No próximo fim de semana, sexta (15) e sábado (16), Paula Fernandes grava um novo DVD, “Amanhecer”, em São Paulo, no Citibank Hall. O terceiro da carreira, o segundo na capital.

padvd

Trago abaixo o repertório do DVD, uma seleção extensa de canções já gravadas por ela. São alguns sucessos mesclados com canções que não foram trabalhadas em rádio, músicas que valem novamente um registro, como “E eu”, “Menino bonito” e “Pedaço de chão”, e até mesmo outras que já estiveram no DVD ao vivo do Rio de Janeiro, como “Cartas no Porão”, por exemplo.

Recentemente, foi anunciada principal participação do projeto: Sandy. A música que elas cantarão juntas ainda é segredo. Ainda há uma faixa ali na lista chamada “Surpresa”, que provavelmente também só será descoberta no dia da gravação.

Haverá ainda uma participação, em vídeo, do cantor espanhol Pablo López, na versão em espanhol de “A paz desse amor”.

O DVD terá três canções inéditas: “Vim te ver”, “Palavra errada” e “Olhos de céu”.

Repertório (não será nessa ordem).

- Pronta Pra Você
– Sensações
– Não Precisa
– Vim te ver (nova)
– Pássaro de Fogo
– Pedaço de Chão
– Cartas no Porão
– Não fui Eu
– Piração
– Palavra Errada (nova)
– A Paz desse Amor
– Olhos de Céu (nova)
– Depende da Gente
– Nuvem de Lágrimas
– Pra quem sabe sonhar / Esperando na janela / Espumas ao Vento
– Amanhecer
– (Surpresa)
– Passarela do Amor (nova)
– Pra Você
– E eu
– Cuidar Mais de Mim / Um Ser Amor / Eu sem Vc
– Menino Bonito
– A Paz desse amor (spanish version ) part. Pablo Lopez em vídeo



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Rio de Janeiro: dois shows sertanejos lotados na mesma noite


Estive no Rio de Janeiro, na semana retrasada, para alguns compromissos. Aproveitei a estadia para conferir uma sexta-feira (1) das mais inusitadas.

Com uma distância de 5km, na mesma avenida, Henrique e Juliano e Luan Santana fizeram shows. A dupla cantou no Metropolitan (que durante anos se chamou Citibank Hall e acabou voltando ao nome original), e o cantor se apresentou no Barra Music, uma das casas mais interessantes do país, agora sob nova administração.

Os dois shows aconteceram na Barra da Tijuca e os dois estavam entupidos. Consegui assistir a ambos por conta dos horários (Henrique e Juliano começaram cedo, antes das 23h).

A noite do Rio já tem mais espaço para o sertanejo, algumas poucas rádios também abrem algum espaço ao gênero (a FM O Dia, principal rádio da cidade, toca alguns sertanejos), mas o sucesso de dois shows na capital nunca deixou de ser improvável.

Foi uma surpresa muito positiva a todos que estavam envolvidos, pois era natural o raciocínio de que um show tiraria público do outro. A melhor notícia é que houve público para os dois.

lbarraLuan e Xuxa no Barra Music

hejmeHenrique e Juliano no Metropolitan



universo_sertanejo

universo_sertanejo

As músicas sertanejas mais tocadas da última semana (3/4 a 9/4)


A lista da última semana não traz mudança na liderança: Marcos e Belutti, com participação do Fernando Zor, continuam no topo com “Romântico Anônimo”.

O “Top3″ se completa com “Pronto falei”, de Eduardo Costa, em segundo, e “Seu Polícia”, de Zé Neto e Cristiano, em terceiro.

Há uma estreia também no ranking: “Rolo e confusão”, de Fernando e Sorocaba. Aos quem não conhecem, a nova música de trabalho da dupla segue abaixo.

___

01 – Romântico anônimo – Marcos e Belutti com Fernando Zor (1) – 2982
02 – Pronto falei – Eduardo Costa (5) – 2926
03 – Seu polícia – Zé Neto e Cristiano (2) – 2618
04 – Vai me perdoando – Victor e Leo (3) – 2560
05 – Batom vermelho – Lucas Lucco (7) – 2509
06 – Esqueci você – Henrique e Diego (6) – 2405
07 – Se toca essa moda – Jads e Jadson (4) – 2360
08 – Não tem pra ninguém – Michel Teló (8) – 2311
09 – Infiel – Marília Mendonça (9) – 2299
10 – Rolo e confusão – Fernando e Sorocaba (-) – 2120

*Fonte: Crowley/Universo Sertanejo



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Zezé e Luciano se preparam para as comemorações de 25 anos de carreira


Zezé di Camargo e Luciano completam 25 anos de carreira em 2016, e a data vai ser comemorada com uma série de ações.

Tenho muito a escrever sobre o assunto, mas a postagem de hoje foca na primeira das ações: nos dias 29 e 30 de abril, acontece a estreia da turnê que vai rodar o país em comemoração aos 25 anos.

O local escolhido para a estreia é o “Espaço das Américas”, em São Paulo, que além do show, também receberá uma exposição com diversos itens da dupla.

Nos dias dos shows, será lançado um box com 26 CD’s acompanhados de um livreto que tece comentários de cada CD. O livreto foi escrito por mim, também por isso voltarei ao assunto em uma postagem especial.

Quem quiser marcar presença, os ingressos estão sendo vendidos aqui.

Abaixo, reproduzo o release oficial que a imprensa recebeu essa semana, escrito pela assessora deles, Arleyde Caldi. É extenso, mas traz bastante detalhes.

___

O SHOW

Eles têm mais de 40 milhões de cópias vendidas. No Brasil, fazem cerca de 140 shows/ano, com público médio de 50 mil pessoas. Fora dele, ganham cada vez mais espaço e fãs no mercado latino. Já conquistaram todos os tipos de prêmios e, com 25 anos de sucesso, a completar dia 19 de abril de 2016, ainda figuram na lista Top5 dos mais tocados nas rádios.

O filme que retrata a trajetória da dupla mais consagrada do país, “2 Filhos de Francisco”, completou dez anos em 2015. E mais: segundo a empresa Controle da Concorrência (que monitora a veiculação publicitária), são líderes de campanhas no nosso país. É assim, com um currículo de contar história, que Zezé Di Camargo e Luciano mostram para o público do Espaço das Américas, dias 29 e 30 de abril, o show que resultou no DVD “FLORES EM VIDA”, que dá nome à turnê. O espetáculo tem percorrido o Brasil e alguns países da América do Sul, EUA e Europa, sempre com casas lotadas e ingressos esgotados.


zcl1

Com concepção de espetáculo moderno, FLORES EM VIDA reúne grandes hits e canções inéditas, primando por megaestrutura, com cenografia que traz painéis de LED curvos e fragmentados, escadas e elevadores que se movimentam em efeitos especiais, imagens de videoclipes sincronizadas a algumas canções e iluminação diferenciada e digitalizada, comandada por Vanderlei Carregã. Esse é o contexto que faz da apresentação um espetáculo high-tech, sem perder de vista a emoção que motiva a plateia da dupla. São 24 músicas, em duas horas de show.

Sob direção musical de Hélio Bernal, o espetáculo é aberto pela chegada de Zezé Di Camargo e Luciano em meio a iluminação com efeitos até no teto do palco. Banda a postos, com um repertório pronto para mobilizar e emocionar o público que lhes é fiel há quase 25 anos, reunindo hits que marcam a brilhante história da dupla, como VEM FICAR COMIGO, A FERRO E FOGO, PIOR É TE PERDER, SUFOCADO e TARDE DEMAIS.

Os dois irmãos unem então suas vozes na mensagem social que anuncia “O DEFENSOR”, nova canção da dupla, já figurando no Top 10 das músicas mais tocadas hoje no Brasil. Ainda no que se pode chamar de primeira parte do show vêm: PRA NAO PENSAR EM VOCÊ, VIVENDO POR VIVER, COMO UM ANJO, SEM MEDO DE SER FELIZ, CADA VOLTA É UM RECOMEÇO E MENTES TÃO BEM.

zcl2

O coral espontâneo formado pelo público garante ao show alguns de seus momentos mais comoventes, contagiando os artistas, filhos de Francisco e do Brasil. É quando, em momento solo, Zezé Di Camargo mostra a sua versatilidade em “Everything I Do” (de Bryan Adams) e, com o anúncio no telão do Rei Roberto Carlos, cantar brilhamente a italianíssima “Caruso” (de Lucio Dalla). Já Luciano, com todos os holofotes em sua direção, agita a galera em “Do Seu Lado” de Nando Reis.

É sob esse contexto, que une fãs e ídolos em só plano, que o espetáculo segue com um mix de canções que inclui DO OUTRO LADO / AINDA ONTEM / NOSSO AMOR E OURO. E prepara-se para momento emocionante com a particiação de Wanessa Camargo com o pai em THE PRAYER. Neste caso, é melhor ver, ouvir e se embriagar na junção das vozes, que carregam um DNA cheio de sonhos e vitórias.

Entre um afago e outro ao público, os dois apostam em mais emoção com os clássico NO DIA QUE EM SAÍ DE CASA e É O AMOR, seguidos de FLORES EM VIDA, VOCÊ VAI VER VER / PÃO DE MEL e SONHO DE AMOR. E, a despertar plenos pulmões, pelos aclamados versos de “No Dia em que Saí de Casa”, eles se entregam em momento moda de viola sob os acordes de “Saudade Bandida”, “Riozinho”e “A Saudade é uma Estrada longa”. É um espetáculo digno para ser colocado ao alcance dos olhos e ouvidos para ser visto, revisto, dançado e curtido, amém. Divirtam-se!

 



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Gusttavo Lima de música nova: “Que pena que acabou”


No fim de semana da Páscoa, dias 25 e 26 de março, Gusttavo Lima gravou seu novo DVD, “50/50″, na cidade de Caldas Novas, Goiás.

ggl1

É o primeiro DVD de uma nova fase, iniciada quando ele decidiu que tocaria sua carreira sozinho, com escritório próprio.

Também se trata do primeiro projeto completo feito por Gusttavo ao lado de Dudu Borges, com quem já havia produzido algumas faixas anteriormente.

ggl2

Por conta da data, não pude ir ao DVD, mas decidi escrever hoje por um motivo interessante: durante a semana, Gusttavo lançou a primeira música do projeto, apenas dez dias após a gravação.

A canção se chama “Que pena que acabou”e pode ser conferida abaixo.

Adianto que aposto muito em uma música romântica do disco. Ela se chama “Cidade acordada”, e teve um trechinho divulgado antes do DVD.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

“Os Menotti no som”, o novo CD de César Menotti e Fabiano


Está sendo lançado hoje, quinta-feira, o novo CD de César Menotti e Fabiano, intitulado “Os Menotti no som”.

O álbum pode ser comprado no iTunes, através desse link aqui. Quem tem AppleMusic já consegue ouvir o disco.

mntnovo

São 13 músicas produzidas pelo Dudu Borges, no primeiro projeto em que Dudu e a dupla trabalham juntos. Há uma participação: Marília Mendonça na canção “Brindando o fracasso”.

No final de janeiro, a dupla fez um encontro no “Studio Vip” para apresentar as canções a parceiros do mercado sertanejo.

Bastante balanceado entre animadas e românticas, a música menos pretensiosa é a que mais tem cara de virar sucesso: “Gordinha”, uma brincadeira, canção simpática que tem agradado logo de cara.

É bastante clara a mão do produtor, bem fácil perceber diferenças entre o projeto e outros discos passados. A ideia de buscar um novo nome para a produção era, também, de renovar, respirar novos ares.

Abaixo, deixo duas músicas: a da “Gordinha”, que talvez não seja ainda a de trabalho, mas inevitavelmente vai ser em algum momento, e “Chandon”, canção da qual foi tirado o título do CD: “Os Menotti no som”.

mn2

mn3

mn1*fotos: Lucas Carvalho

 



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Da medicina ao sertanejo: Rodrigo Lessa e Miguel


Estamos acostumados com histórias de artistas que vieram de família humilde e que venceram após muita batalha, superando todas as dificuldades. É o clichê mais conhecido da música sertaneja.

A história de hoje, no entanto, é muito diferente. Trata-se de uma dupla formada por um médico ortopedista (ainda em atividade) e por um ex-estudante de medicina, que não concluiu a faculdade justamente para cuidar da carreira.

cantmed

Rodrigo Lessa (ortopedista) e Miguel se conheceram e passaram a cantar juntos na antevéspera do Natal de 2013, após serem apresentados por um amigo em comum.

De Minas Gerais, os rapazes já tiveram outros parceiros, mas o gosto pela música e pela medicina os uniu mais do que qualquer outra parceria.

Eles estão promovendo hoje, dia 6, quarta-feira, o lançamento da nova canção de trabalho acompanhada de um clipe. Trata-se de “A culpa é sua”, composição do casal Amanda Borges e Sassinhora Jr.

A canção vai fazer parte do CD “Domador de coração”, previsto para ser lançado em junho.

O clipe de “A culpa é sua” pode ser conferido abaixo.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Bruno e Barreto com a primeira aposta romântica: “40 graus de amor”


Pode-se dizer qualquer coisa sobre Bruno e Barretto, menos que eles não fazem barulho.

Sucesso no ano passado com “Farra, pinga e foguete”, os rapazes se mantiveram bem ao escolher “Eu quero é rolo” como música de trabalho.

Questionados pela maneira de cantar, pela forma com que a carreira é administrada e, claro, um tanto invejados pelo crescimento meteórico, os rapazes estão sempre rendendo assunto.

bebrm

Com boa presença em televisão (souberam transformar uma passagem negativa em algo para os impulsionar na mídia), agora eles apostam pela primeira vez em uma música romântica.

A canção “40 graus de amor” faz parte do primeiro DVD deles, gravado no final do ano passado em Londrina.

Será a primeira música trabalhada desse novo projeto, mais uma prova de fogo para uma dupla que teve a ascensão mais rápida que nós já acompanhamos.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

DVD “Clássico”, parceria de Chitão e Xororó com Bruno e Marrone. Veja o repertório.


No fim de semana, aconteceu a gravação do que deve ser o DVD mais interessante de 2016.

cbm1

Rodando o país de forma mais intensa desde o ano passado, o projeto reunindo Chitãozinho e Xororó e Bruno e Marrone tem tido a boa repercussão esperada, tendo em vista que se trata da união de duas marcas gigantes da música sertaneja.

A gravação aconteceu na sexta, sábado e domingo (1, 2 e 3). Eu não estive presente por estar viajando, mas assisti a pelo menos meia dúzia de apresentações do projeto que recebeu o nome de “Clássico”.

É muito chato comparar, mas já que a todo tempo comparam ao “Cabaré”, vale explicar que são coisas muito diferentes: “Cabaré” reúne dois artistas de um mesmo escritório e era pra ser um projeto paralelo, mas que acabou se tornando principal devido ao sucesso. Só que um dos integrantes, o Leonardo, já vinha em marcha lenta há alguns anos (lembra que ele declarou algumas vezes que pretendia parar de cantar?).

No caso do “Clássico”, trata-se de duas duplas em atividade normal, com shows em todos os fins de semana, que vão selecionar algumas datas específicas para se apresentar sob o novo projeto.

Além do mais, o “Cabaré” é um show temático que reúne dois cantores o tempo todo no palco cantando músicas de outros artistas. O “Clássico” é como se fosse um grande especial de televisão com dois nomes que se revezam no palco com repertório próprio e se encontram em algumas determinadas músicas.

A direção ficou por conta do Raoni Carneiro, diretor da Globo, e a parte musical ficou com Dudu Borges. A escolha por um diretor da TV nos remete ao “Amigos”, que tinha a assinatura do também global Aloysio Legey. Ainda que digam que a escolha desprestigia um mercado rico de diretores que trabalham basicamente entre os sertanejos, uma batuta de fora pode ajudar a sair de um padrão que do qual DVD’s sertanejos aparentemente não conseguem se despreender.

Sob a escolha de Dudu Borges em vez de um produtor “clássico” como prevê o projeto, já comentei mais uma vez por aqui: a revitalização que ele promoveu na carreira de Bruno e Marrone o credencia para o trabalho com qualquer medalhão ou projeto especial como esse.

Agora vamos ao que importa e que dá sempre discussão: as músicas.

O repertório do DVD, com três “”inéditas, pode ser conferido no final do texto. Ele é bem mais acertado do que vinha sendo apresentado na estrada, mas sempre vai gerar discussão.

Além de mega-sucessos e das inéditas, o DVD traz uma ou outra canção mais recente que poderia dar espaço para outras mais consagradas ou raras, mas aí é uma questão de gosto.

Vale muito o registro da regravação, após quinze anos, de “Vida Vazia”, e da lembrança pela acima-da-média “Homem do meu tempo”, ambas de Bruno e Marrone.

E, finalmente, para a história, teremos registrado a interpretação mais emocionante já feita ao vivo por um cantor sertanejo até hoje: Xororó cantando “Ah se Deus me ouvisse”.

Quem não viu a versão atual que a dupla vem apresentando nos shows, não faz a mínima ideia ideia do que está perdendo.

cbm3*As fotos são do Léo Franco.

___

01 – ABERTURA / PÁGINA DE AMIGOS (JUNTOS) – COM BANDA Ch&X

SAEM CH&X E SEGUEM B&M

02 – INEVITÁVEL
03 – CHORAM AS ROSAS

SAEM B&M E VOLTAM CH&X

04 – DEIXEI DE SER COWBOY POR ELA
05 – ALÔ
06 – SUPER HERÓI (JUNTOS)

SAEM CH&X E FICAM B&M

07 – VIDRO FUMÊ
08 – DEIXA

SAEM B&M E VOLTAM CH&X

09 – SINÔNIMOS
10 – SE DEUS ME OUVISSE
11 – VOCÊ ME TROCOU (JUNTOS)

SAEM CH&X E FICAM B&M

12 – VIDA VAZIA
13 – AMOR NÃO VAI FALTAR
14 – HOMEM DO MEU TEMPO

VOLTAM CH&X E CANTAM JUNTOS

15 – MEDLEY DAS RANCHEIRAS (PG DOBRADO/AMOR A 3/F. UM ANO/ESTR. DA VIDA) (JUNTOS)
16 – 60 DIAS APAIXONADO
17 – VÁ PRO INFERNO COM O SEU AMOR / GALOPEIRA

SAEM CH&X E SEGUEM B&M

18 – POR UM MINUTO
19 – JOGA FORA

FICAM B&M, VOLTAM CH&X

20 – PALAVRAS SÃO PALAVRAS (JUNTOS)
21 – FIO DE CABELO
22 – EVIDÊNCIAS

VOLTAM B&M

23 – DORMI NA PRACA (JUNTOS)
24 – BOATE AZUL / AINDA ONTEM CHOREI DE SAUDADE
25 – AGORA

SAEM CH&X E SEGUEM B&M

26 – ISSO CÊ NUM CONTA

AGRADECIMENTOS CH&X E B&M

27 – NASCEMOS PARA CANTAR (JUNTOS)
28 – FINAL – FORÇA ESTRANHA – COM BANDA B&M, ARTISTAS SE DESPEDINDO DO PÚBLICO



universo_sertanejo

universo_sertanejo

As músicas sertanejas mais tocadas da última semana (27/3 a 2/4)


A lista da última semana reitera o principal sucesso dos últimos dois meses: “Romântico anônimo”, de Marcos e Belutti, segue na liderança.

O Top3 continua também como na semana passada, com “Seu polícia”, de Zé Neto e Cristiano, em segundo, e “Vai me perdoando”, de Victor e Leo, em terceiro.

A estreia do Top10 fica por conta de Jads e Jadson, com a nova canção de trabalho “Se toca essa moda”, que ficou na quarta posição.

Para quem não conhece ainda, a nova música da dupla pode ser conferida abaixo.

___

01 – Romântico anônimo – Marcos e Belutti com Fernando Zor (1) – 2969
02 – Seu polícia – Zé Neto e Cristiano (2) – 2643
03 – Vai me perdoando – Victor e Leo (3) – 2584
04 – Se toca essa moda – Jads e Jadson (-) – 2514
05 – Pronto falei – Eduardo Costa (7) – 2489
06 – Esqueci você – Henrique e Diego (5) – 2452
07 – Batom vermelho – Lucas Lucco (6) – 2437
08 – Não tem pra ninguém – Michel Teló (8) – 2294
09 – Infiel – Marília Mendonça (4) – 2175
10 – Vira lata – Loubet (9) – 1988

*Fonte: Crowley/Universo Sertanejo



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Hoje em Copacabana


Como comentei ontem, hoje acontece o “Mar de Culturas” sobre Tonico e Tinoco, evento no Quiosque da Globo, na praia de Copacabana.

Estive no “Encontro”, ontem, ao lado do César Menotti e Fabiano, para falar sobre o evento que terá transmissão ao vivo pelo GShow.

Quem quiser entender melhor, é só ler a postagem de ontem ou clicar na imagem abaixo (para assistir ao vídeo).

encmenotti



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Música caipira na praia de Copacabana


Amanhã, quinta-feira, vai ser realizado um projeto muito bacana na praia de Copacabana, no Rio.

No “Quiosque da Globo”, haverá um debate sobre a carreira e a história de Tonico e Tinoco, que vai acabar se estendendo para a história da música caipira.

A Globo tem um projeto chamado “Mar de Culturas”, que já promoveu bate-papos sobre nomes como Gonzaguinha, Renato Russo e Noel Rosa. Faltava um de música sertaneja, e a partir de amanhã não vai faltar mais.

Vou ter a honra de mediar o debate, que vai contar com os sempre firmes César Menotti e Fabiano, Tinoquinho (filho do Tinoco), e também com a dupla Lucas Reis e Thácio, que ficará com a parte musical.

Vai ser uma experiência inédita, gratuita, e que terá transmissão ao vivo pelo GShow.

O evento acontece das 18h às 19h30. A imagem abaixo traz mais informações.

mdculturas



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Música diferente e boa


Quem ainda não conheceu a atual música de trabalho de Hugo e Tiago, “Futuro”, precisa ouvir.

Gostando ou não, vale a pena por ser uma tentativa interessante de algo novo. É difícil ver uma dupla de tantos anos apostar em uma canção que saia dos padrões seguidos durante toda a carreira.

Gostei bastante.

A composição é do Vitor Macias. O clipe da canção pode ser conferido abaixo.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

O The Voice Kids também é sertanejo


O The Voice Kids, que teve sua final exibida ontem, consagrou mais um sertanejo.

Mais um programa, mais uma disputa, mais um concurso vencido por um sertanejo. Tirando o “Superstar”, que traz um formato no qual os sertanejos pouco se encaixam (bandas), o domínio reflete o que o país prefere. De quebra, Wagner Barreto, vencedor da primeira edição do The Voice Kids, foi comandado por Victor e Leo.

Até mesmo o último vencedor da versão adulta do programa, Renato Vianna, que não é do meio, agora está gravando sob a coordenação da dupla Fernando e Sorocaba.

Wagner Barreto ganhou o programa com 66% dos votos populares, disputando com duas concorrentes.

velw



universo_sertanejo

universo_sertanejo

As músicas sertanejas mais tocadas da última semana (20/3 a 26/3)


A lista da última semana traz, novamente, “Romântico anônimo”, de Marcos e Belutti, na primeira posição, encostados nas três mil execuções.

Completando o Top3, estão Zé Neto e Cristiano com “Seu polícia”, e Victor e Leo com “Vai me perdoando”.

O ranking também vem com uma novidade: “Infiel”, nova música de trabalho da cantora Marília Mendonça, que estreia na quarta posição.

___

01 – Romântico anônimo – Marcos e Belutti com Fernando Zor (1) – 2998
02 – Seu polícia – Zé Neto e Cristiano (3) – 2697
03 – Vai me perdoando – Victor e Leo (5) – 2607
04 – Infiel – Marília Mendonça (-) – 2522
05 – Esqueci você – Henrique e Diego (4) – 2520
06 – Batom vermelho – Lucas Lucco (7) – 2418
07 – Pronto falei – Eduardo Costa (6) – 2417
08 – Não tem pra ninguém – Michel Teló (2)– 2278
09 – Vira lata – Loubet (9) – 2051
10 – Cantada – Luan Santana (-) – 1968

*Fonte: Crowley/Universo Sertanejo



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Lançamento: “Nunca mais me liga”, com Iury Flores


O lançamento de hoje é de uma figura que já apareceu uma vez aqui no blog, em dezembro, mas que agora volta renovado e com uma grande estrutura por trás.

No final do ano passado, ele apareceu aqui com o primeiro clipe da carreira, “Só beber que passa”, após ter gravado um EP, seu primeiro registro, com cinco músicas.

iflr

Iury Flores tem apenas 19 anos e tem gente apostando alto nele. Natural de Vazante, em Minas Gerais, mas radicado em Patos de Minas, ele lança hoje o segundo clipe da carreira, “Nunca mais me liga”.

O cantor está agora nas mãos do produtor Eduardo Pepato, que aparece no vídeo. O clipe, aliás, foi gravado no “Na House”, estúdio do Pepato.

A canção, “Nunca mais me liga”, pode ser conferida abaixo.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

“Amigo cachaceiro”, lançamento de Humberto e Ronaldo


Humberto e Ronaldo estão lançando, hoje, a primeira música do novo DVD. A canção se chama “Amigo Cachaceiro” (Thales Lessa).

A dupla gravou seu novo DVD no último dia 1º, em Goiânia, na boate Villa Mix, com as participações de Jorge e Mateus e Jads e Jadson.

hrr

Focados principalmente no repertório (que deveria ser o básico, mas nem toda dupla se atenta a isso), há uma série de boas músicas no projeto.

Com algumas pequenas mudanças estruturais na carreira, eles vêm com um novo gás nesse projeto, e não há quem duvide que eles possam surpreender.

A canção nova, “Amigo Cachaceiro”, pode ser conferida abaixo.

A produção musical é do Blener Maycom. O vídeo, do Anselmo Troncoso.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Country Festival completa 10 anos; evento acontece no próximo dia 2


No próximo dia 2, primeiro sábado de abril, acontece a edição especial de dez anos do Country Festival, em Curitiba, um dos eventos mais interessantes do calendário anual da música sertaneja.

A programação mantém a linha de trazer sempre grandes artistas, mas evitando ao máximo repetir nomes em anos seguidos, o que nem sempre é algo tão simples de se fazer.

Se ano passado as principais atrações foram Henrique e Juliano, Bruno e Marrone e Luan Santana, em 2016 a fila é puxada por Jorge e Mateus, Zezé di Camargo e Luciano e Michel Teló.

Serão mais de dez atrações distribuídas em quatro áreas diferentes.

-Jorge e Mateus
-Zezé di Camargo e Luciano
-Michel Teló
-Matheus e Kauan
-Pedro Paulo e Alex
-Bruno e Barreto
-George Henrique e Rodrigo
-Jeann e Julio
-Igor Ferraz
-Gustavo Toledo e Gabriel
-Rap Acústico
-Anitta (Backstage)

O evento volta ao Expotrade, um local melhor que a Pedreira Paulo Leminski, que recebeu a festa no ano passado.

cf16



universo_sertanejo

universo_sertanejo

As músicas sertanejas mais tocadas da última semana (13/3 a 19/3)


A lista da última semana volta à tendência apresentada há um mês: “Romântico Anônimo”, de Marcos e Belutti, voltou ao primeiro lugar, e caminha para ser a principal canção desse primeiro semestre.

Diferentemente da outra semana, a música número um fechou bem a frente da segunda colocada, com quase duzentas execuções a mais.

A estreia no ranking dessa semana ficou justamente na segunda posição. Michel Teló emplacou “Não tem pra ninguém”, mais uma canção retirada do “Baile do Teló”, seu DVD mais recente.

Aos que não a conhecem ainda, segue abaixo a melhor canção romântica desse DVD.

___

01 – Romântico anônimo – Marcos e Belutti com Fernando Zor (2) – 3008
02 – Não tem pra ninguém – Michel Teló – 2826
03 – Seu polícia – Zé Neto e Cristiano (4) – 2606
04 – Esqueci você – Henrique e Diego (3) – 2570
05 – Vai me perdoando – Victor e Leo (1) – 2532
06 – Pronto falei – Eduardo Costa (5) – 2395
07 – Batom vermelho – Lucas Lucco (10) – 2289
08 – Piração – Paula Fernandes (-) – 2260
09 – Vira lata – Loubet (9) – 2106
10 – Sosseguei – Jorge e Mateus (8) – 1995

*Fonte: Crowley/Universo Sertanejo



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Novidade do dia: Dácio Moraes com Manutti


O nome de hoje é novo, tem apenas 20 anos, e vem das Minas Gerais.

Dácio Moraes é cria de conservatório, começou a estudar música ainda criança em Betim-MG, e desde então nunca se afastou do que era, até então, um hobby.

dcman

Embora sua formação seja mineira, o lançamento que ele promove hoje vem vestido de Mato Grosso do Sul.

Sob a produção de Flávio Guedes, que mantém seu estúdio em Campo Grande, a nova canção de Dácio traz a participação de outro artista do MS: Manutti.

A música é boa, tem o nome de “Tô querendo largar”, e ganhou um clipe dirigido pelo Jacques Jr.

O lançamento é da AlbertoniMKT.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Carreiro e Capataz com Marcos e Belutti: “Sábado à noite”


No início do ano, Carreiro e Capataz apostaram num fórmula conhecida do público: lançaram um CD duplo, “Lado A” e “Lado B”, como Capataz já havia feito com João Carreiro. Um CD de modas tradicionais, outro de estilo mais atual.

O álbum de raiz (“Lado A”) vai ser comentado em uma postagem própria por se tratar de algo que, necessariamente, precisa ser louvado. Não só pela ideia, mas pela qualidade.

O assunto de hoje, no entanto, é outro. A dupla está lançando sua nova canção de trabalho, “Sábado a noite”, ao lado de Marcos e Belutti. A canção faz parte do “Lado B”.

Romanticona bonita, a música ganhou um lyric video que está sendo divulgado na internet hoje.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Após dois anos, Jorge e Mateus estão de volta à Festa de Barretos


O evento sertanejo mais tradicional do país, a Festa do Peão de Barretos, tem uma boa notícia já no início do ano: após dois anos fora, Jorge e Mateus estarão de volta à edição de 2016.

Devido a uma série de questões de bastidores, após um bem sucedido “Villa Mix” realizado dentro do recinto em 2013, os artista da Audiomix não participaram da edição seguinte. A situação se acalmou no ano passado, mas ainda assim não houve show da dupla.

Quem me acompanha, sabe que defendo que Barretos se comporte acima de qualquer problema de bastidor e de qualquer interesse. É naquele local, naqueles palcos, que o que de melhor da música sertaneja deve existir. É nossa maior Festa, não pode ser apenas mais uma festa com programação normal.

Como escrevi aqui, não havia cabimento a principal dupla da geração não fazer parte do nosso evento mais importante. Era ruim pra todo mundo.

No ano passado, por exemplo, perdeu-se a oportunidade de comemorar os dez anos de Jorge e Mateus na arena, marcada por tantos shows históricos.

Abaixo, a foto da reunião realizada ontem, entre a organização da Festa e um dos empresários da dupla.

btosjemCassio Leite (B), Hussein (B), Marquinho (Audiomix), Ricardo Bodinho (B) e Thiago (B)



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Gustavo Mioto lança clipe de “3 da manhã”


Gusttavo Mioto está entrando em uma segunda fase da carreira. Depois do DVD, que serviu para apresentar o rapaz ao público, ele veio recentemente com uma música nova, que fará parte de um novo projeto, e ontem lançou um vídeo dessa atual música de trabalho, “3 da manhã”.

gmioto33

Mais romântica e mais adulta, a canção produzida por Dudu Borges, que também assinou o DVD do cantor, é a melhor gravada por ele até hoje.

No clipe, que pode ser conferido abaixo, ele contracena com uma figura popular entre os jovens nas redes sociais: Flávia Pavanelli.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

As músicas sertanejas mais tocadas da última semana (06/3 a 12/3)


A lista da última semana traz três estreias, além de uma alteração no topo.

Victor e Leo, que estrearam “Vai me perdoando” na semana passada, ficaram na liderança, com mais de 3 mil execuções, apenas 30 a mais que a segunda colocada, “Romântico Anônimo”, de Marcos e Belutti.

Além da novidade de Victor e Leo, a dupla Maiara e Maraísa apareceu pela primeira vez na lista de mais tocadas. A canção é “10%”, e ficou em sexto lugar.

A terceira estreia ficou por conta de Lucas Lucco, em décimo, com a canção “Batom vermelho”.

___

01 – Vai me perdoando – Victor e Leo (-) – 3058
02– Romântico anônimo – Marcos e Belutti com Fernando Zor (1) – 3029
03 – Esqueci você – Henrique e Diego (3) – 2603
04– Seu polícia – Zé Neto e Cristiano (2) – 2572
05 – Pronto falei – Eduardo Costa (4) – 2259
06 – 10% – Maiara e Maraísa (-) – 2051
07 – Não me toca – Zé Felipe com Ludmilla (6) – 2044
08 – Sosseguei – Jorge e Mateus (5) – 2038
09 – Vira lata – Loubet (7) – 2017
10 – Batom vermelho – Lucas Lucco (-) – 1992

*Fonte: Crowley/Universo Sertanejo



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Festa do Peão de Americana divulga programação com Safadão e Cabaré na mesma noite


Uma das principais festas do país, a Festa do Peão de Americana, divulgou ontem (sexta-feira) a programação de 2016.

Com seis noites de shows, entre 10 e 19 de junho, a edição marca o aniversário de 30 anos da Festa.

Seguindo a tendência do mercado esse ano, a programação deu uma leve enxugada e não arriscou muito, preferiu apostar em nomes mais certeiros.

amer

O dia que mais chama atenção é a segunda sexta-feira, 17. Haverá, na mesma noite, shows do Wesley Safadão e do Cabaré, projeto do Leonardo com o Eduardo Costa.

De gêneros bastante diferentes, embora ambos muito populares, os shows estão entre os que mais andam arrastando público pelo país afora.

A programação segue abaixo:

10 de junho (sexta-feira)
Fiduma e Jeca
Edson e Hudson
Henrique e Diego

11 de junho (sábado)
Zé Neto e Cristiano
Henrique e Juliano

12 de junho (domingo)
Pedro Paulo e Alex
Jads e Jadson

17 de junho (sexta-feira)
Wesley Safadão
Leonardo e Eduardo Costa

18 de junho (sábado)
Matheus e Kauan
Jorge e Mateus

19 de junho (domingo)
Luan Santana



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Novidade: “Coice de mula”, de Brenno e Matheus


O ano é um dos mais movimentados quando o assunto é dupla nova. Desde janeiro, o mercado contraria todas as perspectivas e segue apostando em novos nomes.

bmth

A novidade de hoje vem de Maringá, que fica em uma das regiões mais aceleradas em relação a música sertanejo no país.

Os rapazes Brenno e Matheus chegam com estrutura, com gente entendida por trás, e cantando um estilo e de um jeito que tem ganhado força do ano passado pra cá.

A música que eles promovem hoje se chama “Coice de mula”, e o clipe dela pode ser conferido abaixo.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Do Sul: Rodrigo Ferrari lança “Vuco Vuco in Vegas”


Quando da minha primeira (e única, até agora) viagem à cidade de Porto Alegre, conheci alguns artistas que investem em música sertaneja em um dos principais estados do país.

Não é uma região somente sertaneja, mas muito importante para o gênero historicamente.

rferrari

Quase três anos atrás, escrevi sobre Rodrigo Ferrari, um desses nomes que conheci no Sul. Com músicas nas rádios e fãs que o acompanham de perto, já era um nome interessante na região.

Hoje, recebi o lançamento dele, que ganhou um clipe gravado em Las Vegas.

A música se chama “Vuco Vuco in Vegas” e segue pela linha de balada na qual ele aposta desde o início, estratégia pra tentar entrar em outros estados, um dos principais desafios pra quem faz música nos extremos do Brasil.

O clipe pode ser conferido abaixo.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Giovani: no dia das mulheres, “Os brutos também amam”


Pra quem estava com saudade de uma das vozes mais marcantes da música sertaneja, o cantor Giovani está lançando, hoje, a canção “Os brutos também amam”.

giov

A data de lançamento não é por acaso. A canção apaixonada estreia hoje justamente como uma homenagem ao dia das mulheres.

Giovani, que tem sua história marcada pelo repertório dos mais românticos, mantém sua linha mesmo em carreira solo.

A canção deve fazer parte do próximo CD do cantor.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

O dia é delas. O ano, também.


Mesmo que estejamos apenas em março, já é claro que 2016 vai ser o ano marcado pela ascensão das mulheres na música sertaneja.

Mais do que uma simples torcida para que esse filão vingue, há números, nomes e músicas na boca do povo, algo que nunca houve dentro de um movimento, e sim, somente em casos isolados, como a Paula Fernandes, por exemplo.

Há, também, uma particularidade interessante: como o mercado sertanejo sempre ofereceu todas as barreiras possíveis para um sucesso feminino, não há um número tão grande de empresários corajosos que encaram tudo sozinho, como acontece com duplas ou cantores solo. Ao que tudo indica, porém, o cenário deve mudar em breve.

Uma das figuras fundamentais para entender o momento é a Marília Mendonça. Responsável por vários sucessos principalmente de João Neto e Frederico e de Henrique e Juliano, sua trajetória lembra um pouco a da Roberta Miranda, que de tanto compor sucessos para os outros, acabou virando sucesso como intérprete (a diferença entre elas, no caso, é que ninguém queria que a Roberta cantasse).

No pensamento machista tão impregnado na nossa cultura, se Paula Fernandes apareceu cantando o que as mulheres devem cantar (poesias, músicas românticas e apaixonadas), com sua interpretação serena e sempre preocupada com a imagem, Marília apareceu fazendo tudo o que uma mulher não deve fazer: música de bêbado, música de mulher traída, e não dando a mínima se alguém está achando isso bonito ou não.

Como as mulheres, no geral, e principalmente as meninas na faixa etária dela, cada vez mais se lixam menos para a opinião dos homens, ela fala diretamente com um público só cresce.

É preciso se atentar também a questão da imagem. Parece cada mais mais nítido que o padrão Ivete/Claudia Leitte não funciona mesmo no sertanejo. Por mais que ele nunca tenha funcionado, boa parte das cantoras que apareciam tentavam seguir essa linha “musa”, que nunca chegou perto de vingar.

Comenta-se muito que a postura do público feminino mudou porque a postura em cima do palco mudou. É uma opinião que só ouvi de homens, logo, há uma grande chance de soar machista, mas é uma ideia da qual muitos compartilham: quando, em vez de a cantora que está preocupada em virar musa maravilhosa admirada por todos, quem está lá no palco é alguém que fala de igual pra igual, que bebe e sofre como você, que fala as besteiras que você fala no seu dia-a-dia, o gelo se quebra e a aceitação passa a existir.

Junto a Marília, vêm Maiara e Maraísa, que em meio a um repertório rico no DVD mais recente, emplacaram com muita força a canção “10%”, que trata de uma mulher sofrendo e enchendo a cara na mesa de um bar, embora a linha delas não seja exatamente essa.

Cantando juntas em festivais há mais de vinte anos, as gêmeas já escreveram de tudo e já compuseram para uma infinidade de artistas. O reconhecimento só começa a vir agora, e ao que parece, está vindo em alta velocidade.

Marília, Maiara e Maraísa, ambas do escritório “Workshow”, possuem um projeto juntas chamado “Festa das Patroas”, mais uma forma de explorar essa abertura.

Já postei esse vídeo aqui das três cantando juntas a música “Motel”. O vídeo, que faz parte do DVD de MeM, é um bom resumo do que foi dito acima.

Mas e aí, aonde vamos?

Além dos dois nomes citados acima, a boa aceitação que a dupla Simone e Simaria, ou “As Coleguinhas”, está tendo fora do Norte e Nordeste, também ajuda a entender a mudança no gosto do público. Embora não formem uma dupla sertaneja de origem, o repertório se aproxima por diversas vezes, o que reforça a ideia de que há gente disposta a ouvir algo diferente.

Recentemente, postei aqui uma canção chamada “Tô grávida”, de uma dupla recém-formada chamada Lola e Vitória, que vão fazer o primeiro show da carreira dia 18, em Campo Grande.

Autoras de algumas canções das “Coleguinhas”, as meninas estão sendo conduzidas por Ivan Miyazato e Marco Aurélio, figuras mais do que conhecidas do meio sertanejo. Se dois anos atrás não haveria muito interesse nelas, hoje a corrida é pra apresentá-las logo ao mercado.

Continuando em Campo Grande, dentro do escritório da dupla Munhoz e Mariano, há Paula Mattos, compositora de mão cheia que também decidiu assumir os microfones. Com letras mais românticas do que sofridas, ela vem buscando o espaço dela com um caminho diferente das outras citadas por aqui. Nessa busca da imprensa para entender a ascensão das cantoras, Paula já anda frequentando programas de TV.

Também com gente grande por trás, em breve será lançada Rafaela Miranda, aposta da Audiomix, que já vem fazendo participações nos shows de Jorge e Mateus. Autora do seu próprio repertório, parece que também passou várias vezes na fila do talento para a composição.

Não vai ser devagar. Com toda a estrutura do escritório, já vai chegar disputando espaço. Os que conhecem seu repertório, têm como aposta uma canção chamada “Luz apagada”, que pode ser conferida abaixo.

No final do ano passado, eu participei de um “Encontro” que tratava justamente desse movimento de mulheres dentro do sertanejo. Além da Marília Mendonça, estavam presentes a Bruna Viola, mais na linha de música tradicional e que conta com um apoio de uma gravadora (Universal Music), e a Tuta Guedes, dessas todas, a única que tenta disputar mercado tendo um escritório independente, com investimento próprio, e que já está com música na novela das seis.

Há tantos outros exemplos que podem ser citados, como a Nayara Azevedo, que já apareceu por aqui no blog, Camilla Castro, Mônica Guedes, Marília Dutra, Lucyana, gente que está aí na luta e que, naturalmente, ganha novo fôlego com a realidade atual.

O público deu ok para um novo caminho e os empresários resolveram apostar. Nenhum dos nomes ainda pode ser chamado de “nacional”, mas caminham em 2016 de maneira bem mais rápida que artistas masculinos de tamanho semelhante.

No ano em que o estouro da nova geração completa dez anos, há indícios de que ainda há muita lenha para queimar. Depois de tantas barreiras quebradas na última década, uma das mais difíceis, a que impedia o protagonismo das mulheres, está finalmente caindo.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

As músicas sertanejas mais tocadas da última semana (28/2 a 05/3)


A lista da última semana demonstra, novamente, a força da nova música de Marcos e Belutti, “Romântico anônimo”, na liderança pela terceira semana seguida.

Surpreendente também é “Seu polícia”, de Zé Neto e Cristiano, que vem disputando a segunda colocação com “Esqueci você”, de Henrique e Diego.

O ranking trouxe uma novidade: Eduardo Costa estreou sua nova música de trabalho, “Pronto falei”, já na 4ª posição.

A canção ganhou um clipe megaproduzido que vale a pena ser conferido.

___

01 – Romântico anônimo – Marcos e Belutti com Fernando Zor (1) – 2871
02 – Seu polícia – Zé Neto e Cristiano (3) – 2549
03 – Esqueci você – Henrique e Diego (2) – 2518
04 – Pronto falei – Eduardo Costa (-) – 2347
05 – Sosseguei – Jorge e Mateus (5) – 2187
06 – Não me toca – Zé Felipe com Ludmilla (7) – 2120
07 – Vira lata – Loubet (8) – 2019
08 – Piração – Paula Fernandes (4) – 1980
09 – Cantada – Luan Santana (10) – 1912
10 – Na hora da raiva – Henrique e Juliano – (9) – 1778

*Fonte: Crowley/Universo Sertanejo



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Agora sob os cuidados de Edson: Junior e Thyago, “Os Cachorrão de Goiás”


A dupla em destaque pode ser nova pra muita gente, mas já está próxima de completar nada menos que dez anos de carreira.

Os rapazes, que iniciaram a parceria e vivem em Goiânia, contam com um novo padrinho/empresário bastante conhecido: o cantor Edson, da dupla Edson e Hudson, que além da dupla com o irmão, também toca o escritório Azul Produções Artísticas.

Não é a primeira vez que Edson se aventura nos bastidores. Entre os nomes que já passaram por sua mão, um dos mais conhecidos é Marcos e Belutti.

fbjty

Juntos desde 2007, a dupla chegou ao conhecimento do cantor através do YouTube, em um vídeo da música “Curva Perigosa“. É só reparar nas vozes e na interpretação das músicas para entender o que o Edson viu neles.

Junior e Tyago já estão no 5º CD, do qual faz parte a canção ” Os Cachorrão do Goiás”, que acabou virando slogan da própria dupla.

A música ganhou um clipe, que está sendo lançado sob uma nova parceria com a Universal Music. A direção é do Anselmo Troncoso.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Mariana e Mateus: em nova fase, dupla lança clipe de “Vida de solteiro”


Os irmãos começaram na igreja, cantam desde a infância, e chegaram a participar do programa do Raul Gil ainda em 2003.

Fazem parte de uma lista ainda pequena de duplas mistas, e de uma outra menor ainda, de duplas listas formadas por irmãos.

De Londrina, no Paraná, eles já tinham certo nome na região desde os bares, em 2009, e um DVD gravado em 2015 ajudou a reafirmar o trabalho feito até então.

mmteus

A dupla passou a apostar em vídeos covers postados no Facebook, o que chamou atenção de novos empresários há poucos meses (quem os acompanha, deve ter reparado que a qualidade dos vídeos postados melhorou nas últimas semanas).

Sob a batuta dos novos empresários, na última terça-feira, a dupla lançou um clipe da canção “Vida de solteiro”, dirigido pelo Jacques Jr e gravado em “plano-sequência”, aquele formato em que não há cortes no vídeo em nenhum momento.

Vale a pena conferir.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

“Contagem Regressiva”, nova parceria de Edson e Hudson com Bruno e Marrone


Na semana passada, a canção “Contagem Regressiva” entrou na programação das rádios. Já falei a respeito dela tanto no programa da Nativa quanto no da Rádio UOL.

Parceria de Edson e Hudson com Bruno e Marrone, a música, que faz parte do CD “Escândalo de amor” de Edson e Hudson, aposta em uma reunião que já está em seu terceiro fruto (os outros foram “Amor de ping-pong” e “Imprevisível”).

eehcr

Escrita por uma turma forte da nova geração (Gabriel Agra/Maraísa/Frederico), a canção extrai exatamente o que mais chama atenção em ambas as duplas: a interpretação. O arranjo, é fácil perceber, tem toda a cara do Hudson. Quem assina a produção é Luis Gustavo Garcia.

A música vem substituir “Escândalo de amor”, muito bem aceita nas rádios, e que era de estilo e proposta totalmente diferentes.

Esperei até hoje para escrever por conta de acontecer, nesta terça-feira, o lançamento do lyric video da música. Creio que a maioria já tenha ouvido em alguma rádio ou até mesmo pela internet, mas para quem ainda não conhece, a canção pode ser conferida no vídeo novo abaixo.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Paula Fernandes e o novo DVD


Paula Fernandes gravará seu novo DVD no próximo mês de abril, nos dias 15 e 16 , no Citibank Hall, em São Paulo.

Uma dos únicos nomes femininos a ter chegado ao topo do que a gente imagina sucesso no país, Paula grava seu novo projeto em meio a uma realidade inédita: as mulheres deixaram de ser azaronas e passaram a se tornar apostas no mercado musical mais masculino do Brasil.

Além de toda a atenção que ela gera naturalmente por sua carreira, caiu no gosto da imprensa falar de mulheres e música sertaneja, como é possível ver em repetidas matérias recentes sobre o assunto.

No ano passado, às vésperas do lançamento de “Amanhecer”, estive no “Jeito de Mato”, escritório dela em Belo Horizonte, pra conhecer as músicas novas. Dessa ocasião surgiu a foto abaixo, que compartilhei na época nas redes sociais.

pferdvd

O repertório, hoje já conhecido dos fãs, além do tradicional romântico intimista feito por ela desde o início, há alguns passos testados em outras direções, que talvez seja um dos pontos mais importantes do disco.

Da inclinação pop das duas canções escritas ao lado do carioca Gustavo Fagundes, “Pronta pra você” e “Falar de mim”, até a moda de viola “Água no bico”, trata-se de um álbum que arriscou bem mais que os anteriores, o que é positivo.

O ponto mais interessante de “Amanhecer”, no entanto, chama-se “Piração”, que não por acaso se tornou a atual música de trabalho (o clipe segue ao final do texto).

A música em questão é um batidão, produzida de uma maneira mais à antiga, é verdade, mas ainda assim sem deixar um batidão, formato de música consagrado pela nova geração, com a qual Paula não havia dialogado tão diretamente ainda.

Letra direta, história mais simples e refrão fácil, e mesmo assim com a cara dela.

Com a resposta positiva da música, não é errado imaginar que esse aceno bem sucedido a um universo ainda pouco explorado por ela possa render novas surpresas para o DVD.

A direção do DVD também trará uma novidade que será tema de postagem em breve aqui no blog: a assinatura será de Raoni Carneiro, diretor da Globo responsável, entre outros projetos, pelo especial “Festeja”, que também já foi anunciado como diretor do DVD de Chitãozinho e Xororó com Bruno e Marrone.

Como registro, digo que a melhor música de “Amanhecer” é “Pedaço de Chão”, a última faixa, cantada ao lado de Almir Sater, um estilo de canção que pouca gente tem talento para escrever hoje.

Aliás, essa canção ainda não ter ficado mais conhecida (independentemente de ser trabalhada em rádio ou não), mostra a preguiça de tanta gente que diz trabalhar com música.

Mais abaixo, o clipe de “Piração”.



universo_sertanejo

universo_sertanejo

As músicas sertanejas mais tocadas da última semana (21/2 a 27/2)


A lista da última semana traz novamente “Romântico anônimo”, de Marcos e Belutti, na liderança, pela segunda semana consecutiva.

As três primeiras posições, aliás, seguem exatamente dispostas como no ranking anterior, com “Esqueci você”, de Henrique e Diego, em segundo, e “Seu polícia”, de Zé Neto e Cristiano, em terceiro.

A novidade da lista fica por conta de “Beija-flor, me beija”, de Bruninho e Davi, que estreou na lista na sexta posição.

Aos que não conhecem a canção, segue abaixo:

___

01 – Romântico anônimo – Marcos e Belutti com Fernando Zor (1) – 2764
02 – Esqueci você – Henrique e Diego (2) – 2552
03 – Seu polícia – Zé Neto e Cristiano (3) – 2499
04 – Piração – Paula Fernandes (9) – 2295
05 – Sosseguei – Jorge e Mateus (4) – 2247
06 – Beija-flor, me beija – Bruninho e Davi (-) – 2049
07 – Não me toca – Zé Felipe com Ludmilla (6) – 2017
08 – Vira lata – Loubet (8) – 1906
09 – Na hora da raiva – Henrique e Juliano – (7) – 1902
10 – Cantada – Luan Santana (-) – 1850

*Fonte: Crowley/Universo Sertanejo



universo_sertanejo

universo_sertanejo

Ah, Domingo…


Não havia como ser diferente.

Escolhi para hoje uma participação de Chico Rey e Paraná no programa da Inezita.

Uma breve conversa, com uma palhinha “humilde” de “Canarinho Prisioneiro”, seguida da apresentação de “Devolva a passagem”, canção antiga de composição de Zé do Rancho e Ronaldo Adriano.

Aos que não conhecem a versão original de “Canarinho Prisioneiro”, gravada pelo próprio compositor, Ramoncito Gomes, segue abaixo.



universo_sertanejo